19.12.09

jóias

foto: Paulo Queiroz (www.olhares.com)

jóias, marcas traçadas por dedos
impressões de alma, a quente
sentido eloquente
que arde em viva chama.
são sempre sonhos diferentes
trabalhados por poetas
que fazem as descobertas
do sorriso e da forma
são sinais das nossas gentes
com posturas fluentes
moldadas em sois poentes
fundidos nas nossas almas
são jóias que nascem belas
e assomam às janelas
que dão luz aos corações
são jóias que riem e choram
jóias que também coram
quando invadidas por gestos
carinhos e emoções

2 comentários:

Confesso disse...

Adoro ler você... Jóia rara...

Beijos confessos

Teresa Cristina flordecaju disse...

Então fecho a gaveta
Tenho o coração deserto
Nosso amor? Na foto...


Um cheiro em teu coração e grata pela visita!... Teresa.