23.6.12

pequenos desenhos em mim


voltaste
com o mesmo perfume na pele
e as mãos dizendo coisas
que calaram o coração
voltaste
com sorrisos que se sentem
e os olhos em espelho
onde me vejo e penteio
o meu ego em desalinho
chegaste
com histórias que desejo
com canções de top próprio
que se misturam com risos
e notas como andorinhas
que cortam aos pedacinhos
o céu que está à janela
são tesouras que voando
trazem bocados de azul
que vestes, cobrindo os seios
pintas as unhas, os lábios
e os sapatos de salto
também se tingem assim

voltaste, chegaste, deixaste
pequenos desenhos em mim

2 comentários:

Vento disse...

é bom ler-te assim, terno e doce.
beijo, Nuno.

NunoG disse...

beijo... OBRIGADO!!!!
n.