22.5.09

brinquedos na bagagem

As palavras invadem constantemente
o espaço que habito.
Instalam-se por aqui, sorrateiramente,
aproveitando fraquezas,
há muito transformadas em mito.
Usam ardilmente a ocasião,
pulverizam com tristezas
o ar que as acolhe com bondade,
mas pelo peso (lei da gravidade),
acabam espalhadas pelo chão.
Uns dias tropeço nelas, outros não.

Tomam formatos estranhos,
povoam cantos parados,
encarnam alguns objectos,
importantes, mas pouco usados.
Por vezes são sons e cheiros
que perfumam meus sentidos,
trazendo sinais inteiros,
ou partes de tempos idos.

São livros empoeirados,
são bilhetes de cinemas,
são fragmentos de temas,
um dia abandonados.
São caixas cheias de tralhas,
algumas contêm gralhas
e acidentes da vida.
Quando as abro, voam sonhos,
pousam na alma vazia,
compondo, em aparência,
uma séria sinfonia.
Uns dias são sonhos negros,
de movimento medonho,
outros dias, muito "allegros",
de som solene e risonho.

Num lugar especial,
estão as saudades VOSSAS,
abraçadas entre si.
Recordam mil coisas nossas;
são sorrisos em papel,
são memórias imprimidas
e experiências vividas,
permanentes e aqui.
São brinquedos que transporto,
sempre na minha bagagem,
são bocadinhos de ti,
que levo p'ra cada porto,
quando ando de viagem.

15 comentários:

Pedrasnuas disse...

ABRI A GAVETA COM O TEU CONSENTIMENTO... OBSERVEI E GOSTEI DO QUE VI... GUARDAMOS NAS GAVETAS MEMÓRIAS...FRAGMENTOS DO PRETÉRITO,DA CRIANÇA QUE FOMOS,DA CRIANÇA QUE SOMOS E DA CRIANÇA QUE HÁ-SE SER...E PROJECTAMOS A TERNURA NOS FILHOS QUE CRIÁMOS...
E HÁ AS GAVETAS...DOS PERFUMES,DOS LIVROS,DOS SONS E DOS AROMAS...DOS SORRISOS...
GAVETAS QUE TRANSPORTAM VIDA!!!

GOSTEI DE TER ESPREITADO A TUA GAVETA
:)))

Joice Nunes disse...

que gaveta interessante. tudo lindo, muito lindo.
um beijo

clic disse...

Vim agradecer e retribuir a visita e gostei dessas tuas palavras voadoras... :)

Charlotte disse...

Numa gaveta guardam-se muitas memórias e recordar é viver!
Eu própria também ando numa de recordar...ando a rever fotografias antigas...e é tão bom!

Obrigada pela visita e sê bem vindo!!!

Carla P.S. disse...

"Bocadinhos de ti" foi a coisa mais doce que eu li hoje. Legal.
Beijos, e um café.

Talita Prates disse...

Obrigada pela visita! Sinto-me honrada, de fato.
Voltarei com tempo para abrir melhor essa gaveta nova. Rs.
Paz!

Tchi disse...

A vida nas "gavetas" da memória.

:)

ADiniz disse...

Tropeço na estante, derrubou a gaveta que de tão cheia quase não fecha direito.
Dela saltaram todas as lembranças de um tempo que nem lembra É... já esta em tempo de fazer uma faxina.
Tenho tanto,
Presente.
O pretérito pode ficar fora.

Abraços.
Será sempre bem vindo no Fluidific.

innername disse...

antes de fechar a gaveta, espreitei a ordem e vi o caos, não nas palavras, que essas bem aprumadas arrumam e disfarçam os sentidos excessivos de ser-se gente. Gostei da tua poesia que é anti-insónias e provocadora de rebanhos, Nuno. Andei a cuscar o teu perfil mas está envolto de mistérios....eheh
Já sei, sabemos todos, a curiosidade mata, se não tivermos cuidado. Boa semana and cheers

Moonlight disse...

Sem teu consentimento abri a tua gaveta...bem sei fui curiosa,mas de certo não levaras a mal ter absorvido teus pensamentos transformados em lindas palavras...senti os cheiros e lembrei pedaços perdidos no tempo...
Gostei de te ler!

Um bj cheio de luar

Laura disse...

Gostei desta gaveta. Voltarei.
Obrigada pela visita.

Alessandro Avelino disse...

Muito bem feita tua gaveta!
"Lembranças eternas são contos
são vidas, encontros e desencontros"
Parabéns!

frAgMentus disse...

Um brinquedo é, por si só, uma bagagem de emoções...Supostamente, todas as crianças deveriam ter brinquedos ou, pelo menos, um em especial que lhes permita sonhar, sorrir, chorar, divagar por um universo paralelo de felicidade!

Acredito que estes brinquedos a que te referes sejam mt especiais, ou não fossem de um anjo puro de amor! ;) São a energia que se propaga para além da saudade, em misto de memória,cumplicidade e eternidade. Estima-os sempre bem...nem duvido! ;)

Bj luz e paz

frAgMentus disse...

Um brinquedo é, por si só, uma bagagem de emoções...Supostamente, todas as crianças deveriam ter brinquedos ou, pelo menos, um em especial que lhes permita sonhar, sorrir, chorar, divagar por um universo paralelo de felicidade!

Acredito que estes brinquedos a que te referes sejam mt especiais, ou não fossem de um anjo puro de amor! ;) São a energia que se propaga para além da saudade, em misto de memória,cumplicidade e eternidade. Estima-os sempre bem...nem duvido! ;)

Bj luz e paz

ellen disse...

Esta gaveta está rica de coisas boas :)
Bonito.

Beijinho