7.3.12

saudade tem...


a saudade tem três sílabas
e tem suspiros… uns quantos
tem seres saltitando na mente
e usa uns suspensórios
que nos amarram à distância
tem sapatos que nos doem
tem suores e calafrios
tem saltimbancos que choram
tem sapos que não se engolem
tem sirenes que não tocam
tem santos que não acodem
tem saltos mortais sem rede
tem sereias que nos vencem
em jogos de sorte e azar
tem solfejo de um anjo
tem um sol à meia-noite
tem sucata não ferrosa
que atrai a solidão
tem sobrancelhas carregadas
das vontades sublimadas
que enchem o coração
tem soltos cabelos ao vento
que se emaranham no tempo
tem sangue frio ou quente
dependendo do inverno
tem sandálias no verão
para refrescar ideias
tem soro que pinga na alma
na quantidade que falta
tem um sítio onde mora
tem um solene recato
tem sal doce quanto baste
tem suplícios vagarosos
sinais de transito fechados
e caroços congelados
tem silvas que arranham no escuro
tem sombras e silhuetas
tem serpentes venenosas
que nos matam os silêncios
tem sumo de três laranjas
e vinho que embriaga
tem salas todas fechadas
onde só entra quem sabe
tem segredos abraçados
com medos de um dia morrer
tem solavancos de estado
tem souvenirs do passado
são surreais, a arder
tem serpentinas cinzentas
dos carnavais adiados
tem serras de estrela cansadas
de nunca tocar firmamentos
tem saladas de sentidos
temperadas por histórias
e soluções adiadas
das doenças complicadas

a saudade tem três sílabas
suspiros, contei uns quantos
tem estrelas de prazer
e tem sorrisos de dia...

e sem quase ninguém saber
tem suspiros de mulher

2 comentários:

Baila sem peso disse...

...tanto, que alma não acalma
tem sangue a vibrar na alma
num arco-íris de mil cores
que adorna, coração de amores
que acolhe as mais lindas flores!
:)
Bjitos meus

NunoG disse...

beijos... ''Baila sem peso''